layoutfinal-2
slide3
slide4
slide5
slide6
slide7
slide8
slide9
slide10

Sobre o manifesto Carolina(s) – Arquivos, Memórias e Resistências Intelectuais Amefricanas

Na atualidade, Carolina de Jesus é uma referência de como a colonialidade do gênero afastou e ainda afasta as mulheres negras do papel de produtoras da arte literária, mas também é símbolo de luta e resistência, por apresentar uma consciência dessa opressão do gênero/raça, quando não aceita o lugar de corpo objetificado.

Raffaella Fernandez

A terceira edição da Jornada – Manifesto Carolina(s): arquivos, memórias e resistências intelectuais amefricanas – ressalta a figura de Carolina de Jesus como símbolo decolonial de raça, gênero e classe. O encontro traz como objetivo o fortalecimento de uma rede colaborativa sustentada por um espaço teórico-metodológico diverso e aprofundado que abarque as questões feministas em seus possíveis desdobramentos decoloniais, promovendo assim estudos e debates sobre o contexto do Sul Global.

Programação

07/1108/1109/1110/1111/11
9h[Recepção]
Maracatu de mulheres (Baque mulher)
[Comunicações orais]
Em Breve
10h[Conferência] Manifesto Carolina: revistar e repensar um espólio literário em construção, com Vera Eunice Lima de Jesus e Conceição Evaristo (online) e Raffaella Fernandez (mediação)[Conferência] Narrativas e Poéticas transfeministas: escrevivências, interseccionalidades, com Amara Moira, Letícia Nascimento e Nilvanete Gomes de Lima (mediação)[Conferência]
Por novas histórias indígenas”, com Luma Ribeiro Prado (USP) e Susana de Castro (mediação)
[Conferência]
Múltiplas fronteiras epistemológicas, com Eva Potiguara, Flavia Meireles e Caroline Marim (mediação)
[Comunicações orais]
Em Breve
12hAlmoçoAlmoçoAlmoçoAlmoçoAlmoço
14h[Mesa Redonda] Cinema e Luta, com Rafaela Gonçalves, Anacleta Pires da Silva e Susana de Castro (mediação) [Mesa Redonda] Estéticas Feministas Decoloniais, com Paola María Marugán Ricart, Caroline Marim e Andrea Frazão (mediação)[Mesa Redonda]
“Maria Firmina dos Reis, intérprete do Brasil com Régia Agostinho, Mônica Dacol, e Edna Souza Cruz (mediação)
[Mesa Redonda]
Feminismos Afrolatinoamericanos”, com Cláudia Letícia Gonçalves Moraes, Francilene do Carmo Cardoso Ana Caroline Amorim Oliveira (mediação).
[Mesa de encerramento]
Em Breve
15:30hIntervaloIntervaloIntervaloIntervalo
16h[Mesa Redonda]
Vozes femininas maranhenses da contemporaneidade, com Jorgeana Braga, Milena Carvalho, Clarissa Carramilo (online) e Cristiane Tolomei (mediação)
Caminhada Mulheres Negras São Luís[Mesa Redonda]
Letramentos carolinianos dentro e fora das universidades, com Iris Amâncio, Rayron Lennon Costa Sousa e Rute Maria Chaves Pires (mediação)
[Plenária]

17:30hLivreLivreLivreLançamentos de livros, seguido de coquetel

Inscrições

Participe da III Jornada Feminismos Decoloniais em Questão!

Ao longo dos dias 7 e 11 de novembro, a programação contará com conferências, mesas-redondas, fóruns de debate, atividades culturais e lançamentos de livros. Já as comunicações orais acontecerão ao longo do último dia do evento (11) em sessões presenciais e virtuais. Haverá certificado de participação de acordo com a modalidade escolhida: 30 horas (presencial) e 20 horas (virtual)

Reunimos membros de ONGs, defensoras e ativistas e organizações da sociedade civil, lideranças comunitárias e estudantes vinculados a cursos de ensino médio, graduação e pós-graduação.

A Jornada é um evento gratuito que contempla grupos de estudos e pesquisas em Filosofia, Antropologia, Educação, Arte, Ciências Sociais, História, Letras e também grupos sobre feminismos, gênero e sexualidade, saberes ancestrais e cosmogonias, literatura feminista e epistemologias.

Livros em lançamento

Pássaro de Oceano

Karina BidasecaTradução: Caroline Marim, Raísa Inocêncio. Revisão: Susana de Castro.Rio de Janeiro: Editora NAU, 2022 Pássaro de Oceano nasceu inspirado no filme que a artista

Read More »

Comunicações aprovadas


A lista de comunicações aprovadas está disponível aqui.Inscrições para ouvintes estão disponíveis na plataforma Even3 (até 04/11/2022). . As submissões serão integradas aos seguintes eixos de trabalho:

  • Arquivos pessoais de mulheres e memória coletiva;
  • Arquivos silenciados como fonte de pesquisa;
  • Autoficção, autobiografia ou biografemas;
  • Autorepresentação e crítica arquivística;
  • Caroletramento(s) “afroliterário”, “afrodiaspórico”, de “resistência” e “racial-crítico”;
  • Epistemologias e estéticas Feministas;
  • Feminismos Afrolatinoamericanos;
  • Filosofia e Literatura;
  • Integração intercultural latino-americana;
  • Lutas de mulheres e feminismos orgânicos;
  • Patrimônio material e imaterial;
  • Saberes ancestrais e cosmogonias.

Contemplados na categoria de inscrição COMUNICAÇÃO ORAL, os resumos selecionados pela comissão científica integrarão a publicação do evento com atribuição de ISBN. Autoras e autores não selecionadas para apresentação da comunicação oral estarão automaticamente inscritos na modalidade OUVINTE e podem solicitar certificado de participação desde que observada a frequência mínima de 75% nas atividades.

Em cumprimento às normas do Edital FAPEMA n° 04/2022, os resumos expandidos integrarão os Anais da III Jornada Feminismos Decoloniais em Questão – Manifesto Carolina(s): Arquivos, memória e resistência intelectual amefricana, com direito a ISBN.

Sobre nós

Comissão organizadora

Ana Caroline Amorim Oliveira (UFMA)
Susana de Castro (UFRJ)
Caroline Marim (UFPE)
Raffaella Fernandez (UNILA)
Cristiane Navarrete Tolomei (UFMA)
Angela Bárbara Lima Saldanha Rego (IFPI)
Mônica Saldanha Dalcol (IFMA)
Maria Emília Miranda Alvares

Comissão Científica

Mary Castro (UFRJ)
Gabriela Guimarães Jeronimo (UEMASUL)
Kátia Carvalho da Silva Rocha (UEMASUL)
Maria da Guia Taveiro Silva (UEMASUL)
Gilberto Freire de Santana (UEMASUL)
Sônia Maria Nogueira (UEMASUL)
Rogério Fernandes dos Santos (UEMASUL)
Nilvanete Gomes de Lima (IFMA)
Rarielle Rodrigues (UFMA)
Michael Dias De Jesus (UNIFESP)
Príscila de Carvalho (UNILA)
Ângela Viana de Sousa Silva (IFPI)
Organizadoras:
Ana Caroline Amorim Oliveira  (UFMA)
Caroline Marim  (UFPE)

realizacao
Realização
parceria
Parceria
apoio
Apoio